Trombose: saiba mais sobre diagnóstico, tratamento e prevenção

Você sabe o que é trombose? O problema ocorre quando há a formação de um coágulo sanguíneo em uma ou mais veias ou artérias, comprometendo a circulação sanguínea.

Em muitos casos, não há sintomas aparentes, mas vale a pena prestar atenção à dor e ao inchaço, especialmente nas pernas, além de mudança de cor da pele na região afetada.

Os principais fatores de risco são: hereditariedade, uso de cigarro, ficar muito tempo na mesma posição, idade (maior probabilidade a partir de 60 anos), uso de pílula anticoncepcional, obesidade e o período de gestação.

A situação da trombose pode se agravar no caso de embolia, que é quando o coágulo formado se desprende e fica solto na corrente sanguínea, podendo chegar ao pulmão, coração ou ao cérebro.

Continue a leitura e conheça os tipos, além de alternativas gerais de tratamento e prevenção.

Tipos de trombose

Quando se trata dos tipos de trombose, pode-se dizer que há a arterial e a venosa profunda.

A trombose arterial compromete a circulação arterial, que transporta o sangue oxigenado nos pulmões para os tecidos do corpo, podendo causar AVC e infartos agudos do miocárdio.

Já a trombose venosa compromete as veias que transportam o sangue no caminho inverso, dos tecidos do corpo aos pulmões.

Estar em dia com os exames de rotina, prestar atenção aos sintomas e procurar ajuda médica especializada para fazer o diagnóstico e o tratamento com segurança são pontos importantes para a detecção precoce da trombose.

Tratamento e prevenção de Trombose

O tratamento de trombose varia de acordo com o caso e é importante seguir as recomendações médicas para evitar a evolução do quadro ou mesmo a recorrência da doença.

Pode ser necessário usar meias de compressão, medicamentos anticoagulantes e o uso de filtros nas veias para impedir o deslocamento de coágulos para o coração, o pulmão e o cérebro.

Para quem está em tratamento e usa remédios que diluem o sangue, vale ter cuidado com a ingestão de alimentos verde escuros e soja, por conta da Vitamina K, já que ela pode comprometer seus efeitos.

As principais recomendações tanto para quem está em tratamento como para quem está no grupo de risco e quer se prevenir é cuidar do estilo de vida, com atenção à alimentação e à prática de exercícios físicos regularmente.

É importante monitorar a pressão arterial e evitar estresse, cigarro, álcool e alimentos ricos em gordura animal ou industrializados em excesso.

Cuidados ao fazer viagens de avião

No caso de viagens de longas distâncias, é preciso ter alguns cuidados especiais, já que ficar mais do que duas horas na mesma posição pode ser prejudicial.

As dicas são: de hora em hora, faça pequenas caminhadas dentro do avião, escolha roupas confortáveis, não muito justas, use meias de compressão segundo orientação médica e beba bastante água.

Agora você já sabe o que é trombose, os tipos de trombose e as recomendações básicas de diagnóstico, tratamento e prevenção. Consulte um médico angiologista e/ou cirurgião vascular para fazer uma avaliação e tirar dúvidas específicas sobre o assunto.

Leia também: O que causa vasinhos nas pernas?

Leia também: Laser transdérmico para tratamento de varizes